A maioria das pessoas vive em busca da felicidade. Até há economistas que usam a felicidade como indicador de qualidade de vida. Nós sabemos que o dinheiro pode até ajudar nessa busca, mas uma grande questão é como utiliza-lo, já que muitas vezes, ele é um recurso limitado. Muitas pessoas preferem usar o dinheiro para comprar coisas. Elas pensam que por serem bens materiais, a felicidade de tê-los irá durar mais do que outros investimentos não materiais.

Entretanto, uma pesquisa recente da Universidade de Cornell, nos EUA, provou que o investimento em experiências pessoais traz uma felicidade muito mais duradoura do que os bens materiais, porque ao contrário destes bens, as experiências são interiores e tem o poder de transformar quem você é.

Uma viagem, uma aventura, um curso, quem sabe um show daquele artista favorito, se tornam parte de quem você é e te conectam a outras pessoas que as compartilham. Elas enriquecem a sua história e expandem a sua visão de mundo.

Na próxima vez que você for fazer um investimento em algo, pare pra avaliar o que lhe traria mais satisfação: isso que você quer comprar, ou uma experiência que vai lembrar para sempre?

Faça a escolha certa. Invista nas experiências!

Adquira meu livro Superação através do site http://www.elytorresin.com.br/superacao/