“O fim justifica os meios”. Esse é um ditado popular que, ao meu ver, é mal utilizado. Porque normalmente o aplicamos em casos onde pessoas que buscam alcançar algo bom, agem de forma antiética ou imoral.
Eu prefiro utiliza-lo num contexto positivo, o de que “o fim, faz o meio valer a pena”. Deixe-me explicar: muitas vezes nos vemos infelizes com o que fazemos, ou com a posição e tarefas que temos num determinado momento. Mas se tivermos uma compreensão do que desejamos alcançar, entenderemos que esse momento atual é apenas parte de um processo que nos levará a este ideal sonhado.
É como um atleta que se esforça treinando todos os dias. O alvo de seu trabalho não é treinar, mas sim, vencer as provas que o aguardam. Treinar é apenas parte do processo, através do qual ele alcançará a vitória. Ou seja, a vitória, faz o esforço e a dor do treino valerem a pena.
Então pense em como o que você faz hoje contribui para o futuro que você almeja. Sabendo disso, você entenderá melhor o valor que isso tem e terá muito mais empenho e satisfação em realiza-lo. Agora, se você não sabe qual é o futuro que almeja é hora de começar a pensar nisso. Como eu disse alguns dias atrás, sem saber onde quer chegar, vai ser difícil você escolher o caminho certo.